Endodontia

Abordagem conservadora para manter os seus dentes em função por muitos e bons anos, recorrendo aos mais recentes avanços científicos e tecnológicos.

Porquê desvitalizar um dente?

A Endodontia dedica-se ao estudo e tratamento das doenças da polpa dentária,  vulgarmente conhecida como "nervo", e dos tecidos que rodeiam as raízes.

A polpa dentária localiza-se no interior do dente e está rodeada pelo tecido duro, a dentina, sendo responsável pela nutrição e sensibilidade nos dentes, através dos vasos sanguíneos e nervos que a constituem.

Nas situações em que o dente se encontra muito destruído por cárie dentária, fracturas, traumatismos ou desgaste severo, com comprometimento da polpa dentária, é necessária a realização de tratamento endodôntico, habitualmente designado por desvitalização. É um tratamento eminentemente conservador que tem como objectivo salvar e preservar o dente em função, através da obtenção de um acesso ao interior, de modo a promover a desinfecção e selamento do sistema de canais radiculares.

A reconstrução do dente desvitalizado

Após a desvitalização é necessário reconstruir a anatomia do dente e, regra geral, a colocação de uma coroa ou a realização de uma restauração convencional. Só assim o dente poderá manter a sua função por muitos anos.

Há anos atrás, os dentes com problemas na polpa dentária eram habitualmente extraídos. Hoje em dia, graças a todos os avanços científicos e tecnológicos os tratamentos disponíveis podem, frequentemente, salvar estes dentes, mantendo a função mastigatória e a estética inalteradas.

Procura dentista em Lisboa para desvitalizar dente?

Queremos ajudar, contacte-nos para mais informações.

"Já sou paciente há mais de 10 anos, a prioridade é sempre salvar os nossos dentes. Disponibilidade e profissionalismo sem igual. Fui a primeira vez por recomendação e agora toda a minha família é seguida pelo Dr. Pedro. Aconselho a 100%."

- Vera Leitão